Facebook vai deixar escolher amigo para gerenciar conta em caso de morte

1

Receba novidades em tempo real diretamente no seu dispositivo, é Grátis !

O que acontece com o perfil de um usuário no Facebook quando ele morre? Até então, a família podia contatar a rede social para congelar a conta, transformando-a em um memorial. Agora, a rede social permite que você escolha um “contato herdeiro” para cuidar do que você deixou para trás.

O contato escolhido poderá administrar convites, posts de despedida e fotos em seu nome, enquanto for preciso na rede social. A função irá esta disponível primeiro nos EUA, mas no resto do mundo irá ficar disponível muito em breve. Os usuários podem acessá-lo indo ao menu Settings (configurações) > Security (Segurança) e lá escolher um “Legacy Contact”.

Fazer planos para a vida após a morte digital pode parecer mórbido, mas pode trazer clareza para uma questão que é ao mesmo tempo legal e desafiadora. Em 2013, o Google tornou-se a primeira grande empresa de Internet para permitir que os usuários selecionem herdeiros digitais para o seu Gmail, armazenamento em nuvem e outros serviços, apelidado de “gerentes de contas inativas.”

No caso do você só pode escolher uma pessoa; não há como inserir uma alternativa. Por isso pense bem.

memorial
Antes dessa função, o Facebook tinha como política “congelar” a conta de uma pessoa, após a companhia ser notificada que o dono do perfil tinha morrido

[adrotate group=”11″]

O que um amigo não pode fazer?

O contato escolhido para cuidar da conta não será capaz de fazer o login como se fosse a pessoa que faleceu. Ou seja, não poderá fazer novos posts como se fosse a pessoa que morreu, ver suas mensagens privadas, ou mesmo enviar mensagens de qualquer espécie como se fosse ela.

Ainda de acordo com a rede social, é possível informar se você prefere ter a sua conta Facebook excluída permanentemente. Até o momento, era possível transformar uma conta em memorial, sem um novo administrador. O perfil fica mais protegido e marcações com o nome da pessoa ficam ocultas.

Este ainda é um tema controverso. Às vezes, o Facebook comete a gafe de exibir “Falecido curtiu Tal Página” no feed de notícias dos amigos: quando ninguém avisa ao Facebook que um usuário morreu, a rede social opera no pressuposto de que ele está vivo, e recicla seus likes.

Nos EUA, um grupo de advogados se uniu em 2014 para elaborar uma lei que dá acesso à vida digital de pessoas falecidas aos seus entes queridos.

Antes dessa função, o Facebook tinha como política “congelar” a conta de uma pessoa, após a companhia ser notificada que o dono do perfil tinha morrido. Esse processo pode ser feito pela página “Memorialization Request” (https://www.facebook.com/help/contact/651319028315841).

Receba novidades em tempo real diretamente no seu dispositivo, é Grátis !

1 comentário
  1. taciane Diz

    Prefiro que exclui minha conta…

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.

Nosso site usa cookies para melhorar sua experiência. Vamos supor que você está de acordo com isso, mas você pode optar por não participar, se desejar. Aceitar Leia Mais